quarta-feira, 24 de agosto de 2011

Nostalgia

Fonte: Google. Sem informações de autoria.

Falta
Da palavra carinhosa
Ao pé do ouvido
A meia luz

Falta
Do alguém
Que não encontro
Há tempos

O que quero
É apenas 
o tempo passado
O aconchego do momento
Que tinha sorriso e olhar 
Do mais intenso

Como não te tenho
Poesia
É o modo
De ter aqui
Um pouco de ti

Volte depressa, meu bem
Depressa.

Saudade é o que sinto
Saudade.

sexta-feira, 5 de agosto de 2011

Motivo

Fonte: Google. Sem informações de autoria.

A saudade é tanta
Que não posso
 Ir dormir
Sem escrever a ti.

Entre linhas e entrelinhas
Encontro tua presença
Que há tempos não me visita
E que acaba me deixando
Com muito desejo
De estar junto a ti.

Também quero
Que o mundo saiba
Que eu amo
O cara
Mais lindo do mundo
E que desejo
Em muitos momentos
Tê-lo comigo
E cessar essa vontade doida
De abraçar e beijar
O alguém mais especial.

terça-feira, 2 de agosto de 2011

Pedido

Obra 'O grito', de Edvard Munch. Fonte: Google.


O grito
É a linguagem
Do passado
Desconhecido
Frustrado
E sofrido.

O grito
É a brutalidade
De um ser
Sem humanidade.

O grito
É a busca
Pelo objeto perdido
Em um humano desolado.

O grito
É o pranto
Pelo elo quebrado
Pelo amor perdido.

O grito 
É o clamor 
Por um eu saudável
Feliz
E infinito.

O grito é...
O sofrimento
Contido
um dia
Rompido.